Register  /  Login

O Blog do Futebol em Portugal

Futebol / Marco Aurélio: “O mister Chalana teve um papel fundamental neste ano porque foi ele que me deu confiança”

Marco Aurélio: “O mister Chalana teve um papel fundamental neste ano porque foi ele que me deu confiança”

marco_aurelio

Estivemos à conversa com Marco Aurélio, avançado português que, esta temporada, regressou ao Sport Clube Praiense, equipa açoriana do Campeonato de Portugal, sendo um dos elementos mais importantes do plantel no caminho até à fase de subida, Zona Sul.

Futebol Portugal – Durante o seu processo de formação, o Marco, depois de ter começado no Santa Clara, teve ainda uma passagem pelo FC Porto. Como foi a adaptação de um jovem açoriano à realidade de um dos grandes do futebol português?

Marco Aurélio – Inicialmente foi uma adaptação complicada por ser um meio completamente novo para mim, mas com o decorrer do tempo ao fazer novas amizades fez com que me sentisse bem e para além disso o próprio clube tem excelentes condições o que ajuda a rápida adaptação dos jovens atletas.

Futebol Portugal – Seguiram-se épocas de alternância entre os Açores e o Continente, com passagens por clubes como Desportivo de Chaves, Operário Lagoa, União Micaelense, Sporting de Espinho, Rabo Peixe até ingressar no Praiense onde começou a dar nas vistas. O que motivou tanta mudança de equipa?

Marco Aurélio – Em alguns clubes tratou-se de problemas financeiros e outros por objetivos pessoais de carreira. Quando ingressei no Praiense o meu único objetivo era “dar o salto”.

Futebol Portugal – No Praiense teve época e meia bastante produtiva, o que lhe valeu um contrato com o Tondela. Como justifica que, de um momento para o outro, os golos começaram a aparecer?

Marco Aurélio – O mister Chalana teve um papel fundamental neste ano porque foi ele que me deu confiança e me fez acreditar mais no meu valor enquanto jogador e toda esta confiança fez com que os golos aparecessem.

Futebol Portugal – Em Tondela, contribuiu para a subida à Primeira Liga. Como viveu esse momento?

Marco Aurélio – Foi um momento único na minha carreira porque era um título que fazia parte dos meus objetivos pessoais enquanto jogador. Foi sem duvida um dos anos mais felizes da minha carreira.

Futebol Portugal – Regressou ao Praiense e está, outra vez, a lutar por uma subida de divisão. Era um dos objetivos do clube no início da temporada, o acesso à Segunda Liga?

Marco Aurélio – É bom estar a lutar para uma subida de divisão porque este clube merece tudo o que estamos a fazer. No inicio a subida de divisão não era um objetivo mas com o decorrer do tempo e com os bons resultados alcançados começou a ser.

Futebol Portugal – O seu registo goleador está de regresso com 13 golos em 20 jogos. Que marca espera alcançar no que falta de temporada?

Marco Aurélio – Enquanto jogador quero ajudar a equipa e por isso ambiciono continuar a marcar e espero que neste ano chegue aos 20 golos. Vou sempre continuar a trabalhar para conseguir.

Futebol Portugal – Muitos jogadores portugueses, por falta de espaço no nosso país, acabam por rumar ao estrangeiro. É uma possibilidade que lhe agrada?

Marco Aurélio – Sim, é uma possibilidade que está sempre em aberto. Se surgir uma oportunidade gostaria de jogar no estrangeiro porque é um ponto que está na minha lista de objetivos enquanto jogador de futebol.

Futebol Portugal – Qual o momento mais marcante da sua carreira até ao momento?

Marco Aurélio – Posso dizer que tenho 2 momentos que marcaram a minha carreira até ao momento: o 1.º foi a passagem pelo F.C. Porto e o 2.º foi ter sido campeão no Tondela.

Futebol Portugal – Como se define como jogador?

Marco Aurélio – Sou um jogador rápido, bom no um para um e tecnicamente acima da média.

Futebol Portugal – Quais os objetivos pessoais para a próxima temporada?

Marco Aurélio – Sinceramente ainda nem pensei na próxima temporada mas espero que seja como as últimas duas, repletas de sucesso.

O Futebol Portugal agradece ao Sport Clube Praiense e a Marco Aurélio pela disponibilidade para a realização da entrevista e deseja os maiores sucessos tanto ao clube como ao atleta.

Comentar