Register  /  Login

O Blog do Futebol em Portugal

Futebol / Real Madrid desperdiça os primeiros pontos — Real Madrid 1-1 Villarreal

Real Madrid desperdiça os primeiros pontos — Real Madrid 1-1 Villarreal

Neste inicio de noite, no Santiago Bernabeu, o Real Madrid a receber o Villarreal e a empatar 1-1, golo da casa a ser apontado por Sérgio Ramos, para os vistitantes marcou Bruno Soriano de penalti.

 

A equipa merengue, não contava para este jogo com Modric, Pepe e Casemiro por opção e para o lugar no onze a estarem James Rodriguez, Varane e Kovacic, de volta estavam Ronaldo e Bale que ficaram de fora no ultimo jogo. Em relação ao Villareal, sem Soldado aposta a cair em Sansone, que foi importante no ultimo jogo frente à Real Sociedad.

 

Primeiros 15 minutos, com a equipa do Real Madrid a ter toda a iniciativa de jogo, o que já seria de esperar, equipa com mais bola mas sem espaço para criar perigo, o Villareal tinha um bloco baixo, tentando espreitar o contra-ataque mas também não o conseguia fazer, jogo previsível sem haver remates as balizas.

A passagem do minuto 18, finalmente o Real a descobrir espaço na esquerda, numa variação rápida de flanco, Marcelo com espaço cruza ao segundo poste, Bale cabeceia para a pequena área, Benzema cabeceia para a baliza mas Sergio Asenjo a defender para frente e depois a Victor Ruiz afasta para fora.

331365_galeria_real_madrid_x_villareal_liga_bbva_15_16_j34-jpg

A boa oportunidade parecia não acordar as equipas, o Villareal praticamente não existia no ataque nos primeiros 30 minutos, subia só com os três homens da frente, deixava sempre cinco, seis homens atrás, os homens de Zidane muito lentos no momento ofensivo e não conseguiam criar grandes lances junto área, ganhou vários cantos mas também sem perigo.

Rara excepção a ser um conta-ataque com Sansone e Cheryshev, com o russo a rematar de pé direito já dentro da área, obrigar Kiko Cassila a uma boa intervenção para canto, na sequência do mesmo, Sansone cabeceia ao lado. Resposta do Real a surgir por Cristiano Ronaldo após combinação com Benzema à entrada da área, remata por cima.

Nos últimos 10 minutos, o Real Madrid foi baixando ainda mais o seu ritmo o Villareal ia acreditando e subindo aos poucos as linhas, muito passividade na hora de defender para equipa da casa, e em cima do minuto 45, penalti para equipa visitante, Varane a inventar ao tentar sair a jogar e Castillejo rouba a bola e remata, Sérgio Ramos corta a bola com o braço, castigo máximo bem assinalado e na conversão, Bruno Soriano faz à Panenka e engana Casilla, 0-1.

322510_med__20160302093521_bruno_soriano

O intervalo chegava logo de seguida, Villareal em vantagem no marcador, não se pode dizer injusto, porque aproveitou a oportunidade concedida pelo Real Madrid, que não conseguia encontrar espaços nem criar grandes perigos.

 

Os homens de Zidane a entrarem a todo gás nesta segunda parte, conquistaram um livre à entrada da área aos 47 minutos, batido por Kroos, Asenjo deixa a bola escapar, Ramos a chutar contra a defesa e a ir para canto, na sequência do mesmo batido por James, Sérgio Ramos como que a redimir-se do lance do penalti a saltar mais alto e a empatar, 1-1.

sergio-ramos

Os merengues não tiravam pé do acelerador, e Bale sobre a direita efectua um cruzamento, onde aparece Benzema solto entre os centrais a cabecear tudo-nada ao lado, 5 minutos loucos dos homens da casa que fizeram mais nestes poucos minutos do que em toda a primeira parte.

Primeiros 15 minutos muito bons da equipa merengue, mais agressivos, com mais objectividade com desmarcações rápidas e assim a criar mais dificuldades ao Villarreal que não saia praticamente da sua área, os homens de Zidane mais rápidos e com mais ganas, assistíamos a um autentico sufoco.

Bale a descobrir Carvajal na direita, com o internacional espanhol a cruzar rasteiro para Cristiano Ronaldo, que não chega por muito pouco, era só encostar, melhor período do Real no jogo sem duvidas. Mais Bale, a ganhar espaço na zona central, e a rematar forte mas a bola a passar ao lado.

331365_galeria_real_madrid_x_villareal_liga_bbva_15_16_j34-jpg

O Real Madrid com o passar do tempo, voltou a baixar a intensidade, no seu melhor período marcou 1 mas podiam ter sido mais e neste momento não conseguia chegar com tanto perigo. O jogo voltava a cair no que diz respeito a espectacularidade, voltava a fase de mais previsibilidade, Real com mais bola e o Villarreal sempre à espreita dum contra-ataque.

Entravamos nos últimos 10 minutos, e a equipa visitante cada vez mais com bloco baixo, a jogar com o tempo e a lutar pelo ponto, Real ia tentando forçar e com vários cruzamentos para a área, e num deles Vasquez na direita, descobre Morata, que cabeceia de cima para baixo mas Asenjo estava no caminho da bola.

Os merengues voltavam a criar perigo aos 89 minutos, jogada de combinação entre Ronaldo e Carvajal, com o internacional espanhol a cruzar, e Cristiano a rematar de primeira na passada, mas Asenjo estava lá de novo. 9o+2 minutos, a surgir a última oportunidade para o Real Madrid num livre directo de Cristiano Ronaldo a sair à figura de Asenjo.

A partida terminava logo de seguida, os blancos, perdiam assim os primeiros pontos no campeonato, muito por culpa própria, a darem de avanço 45 minutos, com uma exibição pálida, no segundo tempo tentaram rectificar mas nada feito, o melhor que conseguirem foi mesmo o empate.

ronaldo-mi-reuters

 

 

Melhor em campo: Bruno Soriano

bruno-soriano

Se o Villarreal saiu do Santiago Bernabéu com pontos, muito pode agradecer ao seu capitão, para além da frieza que demonstrou na altura do penalti, foi muito importante no equilíbrio da equipa tanto defensiva como ofensivamente, sempre inteligente na procura dos espaços e a tentar lançar os seus avançados, a equipa no seu global passa por um bom período resultados e claro está, com Bruno assumir sempre a batuta.

Equipas;

 

unnamedReal Madrid:

Casilla, Danilo, Varane, Sérgio Ramos (cap.), Marcelo (int, Carvajal), Kroos, Kovacic, James Rodriguez, Bale (71min, Lucas Vasquez), Cristiano Ronaldo e Benzema (77min, Morata).

 

 

villarreal-logo-vector-200x200Villareal:

Asenjo, Mário Gaspar, Musacchio, Victor Ruiz, José Ángel, Bruno Soriano (cap.), Mano Trigueros, Jonathan Dos Santos (88min, N´Diaye), Castillejo, Cheryshev (64min, Soriano) e Sansone (73min, Pato).

Comentar