Register  /  Login

O Blog do Futebol em Portugal

Futebol / Taça Portugal: FC.Porto e V.Setúbal nos quartos-de-final

Taça Portugal: FC.Porto e V.Setúbal nos quartos-de-final

O FC. Porto e o Vitória de Setúbal são as primeiras equipas apuradas para os quartos-de-final da Taça de Portugal.

O FC. Porto equipou de amarelo e azul para receber o Juventude de Évora, equipa de escalão inferior mas nem por isso André Villas-Boas facilitou com o “onze” escalado para o encontro.

Os alentejanos foram um equipa digna, apesar de não terem posto à prova Kieszek.

Foi um jogo de estreias e positivas para o FC Porto. Estreou-se a titular o jovem promissor (uma certeza como habitualmente se escreve) James Rodríguez. O colombiano é uma aposta do clube, um investimento seguro, como demonstrou no jogo, muito interventivo, assistiu o seu compatriota Falcao no primeiro golo, interveio na sensacional jogada do segundo e esteve perto de marcar por mais de uma vez. A sua técnica não engana, é um investimento seguro e que deve continuar no Dragão a potenciar todo o seu talento.

Estreou-se João Moutinho a marcar golo, foi o primeiro de muitos que o próprio prometeu no final da partida. Ainda para mais o golo é fantástico, jogada sempre ao primeiro toque, Guarin combina com James este retribui a Guarin de calcanhar que recebe, toca para Falcao, recebe deste e cruza para Moutinho marcar, fantástico.

Regressou Álvaro Pereira e o Porto é ainda melhor, estreou-se com a braçadeira de capitão da equipa . O uruguaio tinha sofrido lesão ao serviço da selecção e o diagnóstico foi de paragem até final do ano. Mas recuperou para brindar os adeptos com uma excelente exibição, tendo assistido Walter no último golo e marcado o terceiro, comemorou o golo com o médico do Porto.

Jogo agradável de seguir e se não houve Mário Jardel como há 19 anos em que marcou 7 golos ao Juventude Évora na 2.ª parte, houve uma equipa que se exibiu em muito bom nível.

O Vitória de Setúbal foi a segunda equipa a garantir o lugar no sorteio dos quartos de final, vencendo o Sporting.

O resultado final faz jus ao nome do estádio, Bonfim, o Vitória fez uma excelente primeira parte, o Sporting não conseguiu impor-se e aos 29 minutos, os sadinos inauguravam o marcador por Ney Santos. O Sporting “sentiu” o golo, desnorteou-se e cinco minutos volvidos Zeca aumenta a vantagem, em mais uma jogada perfeita dos setubalenses. Mais um jovem a “fazer a diferença”, tinha entrado por troca com Hugo Leal, lesionado, mas “mexeu” o jogo dos sadinos e finalizou em golo a boa jogada do vitória. Eficácia total mas inteiramente merecida, o Vitória acreditou e “fez pela vida”.

A vantagem era boa para encarar a segunda parte onde se esperava um Sporting sufocante dado que perdia ao intervalo e tinha 45 minutos para recuperar sob pena de ficar de fora da competição.

Paulo Sérgio mantém o mesmo onze, João Pereira avança. Polga acerta na trave mas não abana a defesa setubalense. Paulo Sérgio decide-se finalmente pela aposta no ataque à passagem da hora de jogo, sai Evaldo e entra Vukcevic, recua um pouco Pedro Mendes.

O Setúbal vai recuando, espreitando alguma oportunidade de contra-ataque. O tempo vai passando e o resultado não se altera. Paulo Sérgio troca o desinspirado Valdéz  por Carlos Saleiro para o último quarto de hora de jogo.

Liedson faz renascer as esperanças leoninas, marcando um bonito golo, num remate que coloca a bola no canto superior da baliza setubalense com Diego a ver a  sua trajectória. Faltavam ainda 15 minutos, tempo suficiente para que o Sporting evitasse a eliminação, mas não o conseguiu, pressionou o Vitória de Setúbal que defendia mas não criou oportunidades de golo. Paulo Sérgio não mexeu mais na equipa, nem esgotou as substituições, ainda que tivesse Yannick Djaló no banco.

O Sporting fica, assim, afastado de um dos troféus da época.

Este Domingo, mais 3 jogos relativos aos oitavos-de-final: Leixões-Pinhalnovense; Rio Ave-Atlético e Vitória Guimarães-Torreense; ainda relativo à eliminatória anterior o Benfica-Sp. Braga cujo vencedor defrontará o Olhanense, faltando ainda Académica-(Bombarralense/Louletano/U.Madeira) e (Varzim/Cova da Piedade/Gondomar/Ribeirão)-Merelinense.

Comentar